Banner Transmissão Ao Vivo

Coordenadores dos polos a distância se reúnem para discutir o sistema UAB da UFPA

Coordenadores dos polos a distância se reúnem para discutir o sistema UAB da UFPA 

Na manhã do dia 25 de abril de 2016, foi realizada reunião da coordenação da Assessoria de Educação a Distância da UFPA com coordenadores de polos a distância do Sistema Universidade Aberta do Brasil (UAB), no auditório do prédio da AEDi, no campus da UFPA em Belém. O objetivo do encontro foi traçar um balanço das atividades de EaD nos polos do interior do Estado e estabelecer encaminhamentos no que concerne à manutenção do funcionamento do Sistema UAB na instituição.

A reunião foi presidida pelo professor José Miguel Martins Veloso, coordenador UAB na UFPA e assessor de educação a distância, e contou com a presença de coordenadores e discentes de 14 polos a distância (Breves, Cametá, Canaã dos Carajás, Conceição do Araguaia, Igarapé-Miri, Marabá, Moju, Muaná, Oriximiná, Paragominas, Redenção, Salinópolis, São Sebastião da Boa Vista e Tailândia). Também estiveram presentes a coordenadora da UAB na Universidade do Estado do Pará (UEPA), professora Ruth Souza da Costa, a coordenadora adjunta da UAB, professora Cristina Lúcia Dias Vaz, e coordenador do PARFOR na UFPA, professor Márcio Lima do Nascimento.

Entre os assuntos discutidos durante a reunião estiveram os novos critérios que regem a atuação dos polos, estabelecidos pela gestão da Diretoria de Educação a Distância da CAPES, em 2011. A partir do novo sistema de avaliação, apenas um polo da UAB no Pará foi considerado apto a ofertar vagas. Já entre os anos de 2012 e 2013, foram sete os polos considerados aptos, e somente estes foram liberados para o ingresso de novas turmas. Já em 2014, foi aberto o edital nº 75/2014 por meio do qual a oferta de vagas em cursos superiores na modalidade a distância seria retomada, entretanto, mesmo com a UAB na UFPA já contando com 23 polos aptos na avaliação, os mesmos não receberam novos alunos, pois o edital ainda não foi implementado. Por conta deste atraso, houve uma expressiva queda no número de estudantes atendidos pelo sistema, já que as turmas estão se graduando e não houve entrada de novos alunos.

Durante o encontro, também foi redigido e assinado pelos coordenadores presentes um documento sobre questões estruturais do sistema UAB na UFPA que será apresentado à CAPES, e a diversas outras instâncias do governo federal. O objetivo do documento é gerar alternativas para manutenção do funcionamento dos polos, entre as quais, estão a efetiva implantação das vagas ofertadas pelo edital 075/2014 e a reivindicação para que o sistema UAB se torne parte da matriz de financiamento da UFPA, e não seja mais totalmente dependente da CAPES. Para o encaminhamento dessas e outras reinvindicações, foi montada uma Comissão, composta por coordenadores, para buscar apoio para as demandas expressas por ele. Os componentes da comissão são os professores Ruth Souza da Costa (UAB-UEPA), Graciete Pantoja (Igarapé-Miri), Joice Lourdes Miotto Souza (Redenção), Manoela do Socorro de Matos Vieira (Breves), Núbia Gomes de Souza (Conceição do Araguaia) e Ademar da Luz Filho (Marabá). Além das assinaturas dos coordenadores dos polos, serão buscadas também as assinaturas de secretários de educação dos municípios com polos UAB.