izmir escort bursa escort izmir bayan escort sisli escort antalya escort izmir escort bayan bursa escort bursa escort kızlar istanbul escort bayan gaziantep escort escort istanbul istanbul escort

Especial Dia C da Ciência - No Dia C da Ciência, a UFPA vai ao shopping, ao museu, a escolas e abre as suas portas

Hoje instituições de ensino e pesquisa de todo o país promovem o Dia C da Ciência, integrado à programação da Semana Nacional de Ciência e Tecnologia (SNCT), que está acontecendo desde a última segunda-feira, 23, e segue até 29 de outubro. A ideia é que, a partir deste ano, as quartas-feiras das edições da SNCT sejam configuradas como Dia C.

A Universidade Federal do Pará (UFPA) integra o conjunto de instituições comprometidas com essa mobilização nacional. Na programação de hoje estão atividades de comunicação da ciência com foco em congregar diferentes setores sociais em defesa da área de Ciência, Tecnologia e Inovação. Estas serão realizadas por diferentes projetos da UFPA, em parceria com outras universidades e centros de pesquisa do estado e do país.

Um dos destaques da programação é a Exposição “A Matemática está em tudo”, que tem o mesmo tema da SNCT 2017. A exposição acontece no Shopping Bosque Grão Pará desde o dia 23 de outubro e segue até o dia 29 de outubro, com entrada gratuita e visitação de 10h às 22h. A ação é fruto da parceria com a Universidade do Estado do Pará (UEPA) e o Instituto Federal do Pará (IFPA). Da UFPA, estarão em exibição objetos matemáticos produzidos no âmbito do projeto “Artemática: explorando o potencial artístico da Matemática”, coordenado pela Profa. Cristina Lúcia Dias Vaz, da Faculdade de Matemática (FacMat) e do Programa de Pós-Graduação Criatividade e Inovação em Metodologias do Ensino Superior (PPGCIMES).

Aprovado na Chamada nº 02/2017 do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Conselho de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), o projeto também está realizando ao longo da semana oficinas em escolas e a Trilha “Simetria no Museu Goeldi”, no Parque Zoobotânico do Museu Paraense Emílio Goeldi. A partir do uso da fotografia e de um perfil no Instagram (@simetrianomuseugoeldi), os participantes da trilha identificam e registram em imagens elementos da fauna e da flora do parque que tenham simetria. Na programação de hoje, a trilha terá a participação de alunos da Escola de Aplicação da UFPA, além de ser aberta ao público em geral.

Hoje também será possível conhecer um grande feito da Matemática brasileira: a descoberta das equações da Superfície Costa, assim denominada por causa do nome do Prof. Celso Costa, da Universidade Federal Fluminense (UFF), que resolveu o problema matemático dessa superfície, na época há mais de 200 anos em aberto. O pesquisador ministrará a Palestra “Uma superfície insólita” para alunos do Ensino Fundamental da Escola Municipal Padre Leandro Pinheiro, localizada no bairro do Guamá. Parceiro de pesquisadores da UFPA em várias iniciativas, o professor é convidado especial da programação da SNCT organizada pelo projeto “Da rasa de açaí à garrafa de Klein: Matemática!, também aprovado na Chamada do MCTIC e do CNPq e coordenado pelo Prof. Marcos Monteiro Diniz (FacMat e PPGCIMES).

O projeto ainda prevê oficinas com temas voltados para a região, como a Oficina “A matemática da rasa de açaí”, ministrada pelo Prof. José Miguel Martins Veloso (FacMat e PPGCIMES). Outro destaque são as exposições interativas de objetos matemáticos, de experimentos da física e de softwares educacionais, como um aplicativo, desenvolvido sob a coordenação do Prof. Marcos Diniz e do Prof. Dionne Cavalcante Monteiro (Faculdade de Computação e PPGCIMES). A partir das tecnologias de realidade virtual e realidade aumentada, usuários poderão visualizar a simulação de poliedros (sólidos geométricos) em 3D por meio do celular e de óculos especiais.

Também dentro da sede da UFPA em Belém, na Cidade Universitária José da Silveira Netto, no bairro do Guamá, serão promovidas ações no Dia C, como Visitas Guiadas ao Centro Interativo de Ciência e Tecnologia da Amazônia (CICTA), coordenado pelo Prof. Elinei Pinto dos Santos; ao Laboratório de Demonstrações (LABDEMON), coordenado pelo Prof. Jorge Castiñeiras Rodrigues; ao Núcleo de Astronomia (NASTRO), coordenado pelo Prof. Luís Carlos Bassalo Crispino; e ao Museu Interativo da Física (MINF), coordenado pelo Prof. Newton Martins Barbosa Neto; todos docentes da Faculdade de Física da UFPA. No início da noite, o NASTRO realizará uma edição especial da atividade semanal “Quartas Astronômicas”, com palestra sobre Astronomia, seguida por observações astronômicas, se houver condições meteorológicas favoráveis.

Na área das Humanidades, a comunicação da ciência também será promovida no âmbito do “Projeto Jovem e Consumo Midiático em Tempos de Convergência”, financiado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior (CAPES) e do qual a UFPA é equipe associada. O projeto é desenvolvido por pesquisadores dos programas de pós-graduação em Comunicação da UFPA, da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) e da Universidade Federal de Sergipe (UFS), que estão reunidos em Belém para discussão do andamento da pesquisa realizada em nível nacional com jovens. A Profa. Mariangela Toaldo (UFRGS) e a Profa. Jane Marques (Universidade de São Paulo-USP/UFPA) ministrarão o Workshop “Literacia Digital: educação para a leitura de conteúdos midiáticos”, no Auditório da Assessoria de Educação a Distância da UFPA. A proposta é sensibilizar os participantes para como a literacia digital pode contribuir na formação do público infantil frente aos conteúdos midiáticos, especialmente no que se refere à identificação e à reflexão crítica em relação a apelos ao consumo.

O Workshop conta com a parceria do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Comunicação Pública da Ciência e Tecnologia (INCT-CPCT). Os pesquisadores da UFPA que integram o Instituto estão atuando também no Planejamento de Divulgação e Cobertura Multimidiática das ações da instituição no Dia C e na SNCT 2017, gerando conteúdos estratégicos para as redes sociais e para a imprensa. O INCT é uma rede liderada pela Fundação Oswaldo Cruz, com a participação de instituições de todas as regiões brasileiras e de vários países com expertise em comunicação pública da ciência, incluindo a UFPA, que também integra o Comitê Gestor.

 

Por que a ciência brasileira precisa de um Dia C?

Cerca de 90% do conhecimento científico produzido no país é desenvolvido com financiamento público, pelas instituições públicas de ensino e pesquisa (Universidades, Centros de Pesquisa, Institutos, Museus, entre outros). Mas nem sempre os impactos reais da produção científica nacional sobre o nosso dia a dia ficam evidente para alguns setores estratégicos e para a população em geral.

O Dia C da Ciência nasce nessa perspectiva, proposto pelo Colégio de Pró-Reitores de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação das Instituições Federais de Ensino e pelo Fórum de Pró-Reitores de Pesquisa e Pós-Graduação (FOPROP) como uma iniciativa frente ao cenário político e econômico atual no qual os recursos voltados à C&T no país têm sido reduzidos.

A ideia é mobilizar as instituições para a defesa da manutenção do financiamento público da Ciência, Tecnologia e Inovação no país e sobretudo, para evidenciar para a população em geral a contribuição da ciência para os diferentes setores da vida social.

Como uma ação social e política das instituições, esse dia ressalta que o C da Ciência também significa Compromisso com a construção de uma sociedade mais justa, democrática, equilibrada e promotora de condições e oportunidades; Comunicação para a promoção do diálogo e do debate público; e Cidadania como fruto desse investimento.

 

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia

A SNCT 2017 ocorre oficialmente de 23 a 29 de outubro, com o tema “A matemática está em tudo”, em articulação à celebração do Biênio da Matemática (2017-2018). Nesses dias, em todo o Brasil, universidades, institutos de pesquisa, sociedades científicas, museus, escolas, órgãos governamentais, empresas e outras instituições promoverão atividades para compartilhamento dos conhecimentos científicos.

Criada em 2004 pelo então Ministério da Ciência e Tecnologia, a Semana é liderada pela Coordenação-Geral de Popularização e Divulgação da Ciência  (CGPC/SEPED/MCTIC). Este ano, chega à sua 14a edição, estimulando a discussão da pauta de C&T no país e dando visibilidade à inovação da pesquisa nacional.

 

Serviço

Dia C da Ciência - UFPA

25 de outubro de 2017

 

Acesse a programação completa

 

Acompanhe a cobertura:

 

Projeto “Artemática: explorando o potencial artístico da Matemática”

Facebook: www.facebook.com/SNCTArtematica

 

Projeto “Da rasa de açaí à garrafa de Klein: Matemática!”

Facebook: www.facebook.com/snctpara.rasadeacaiagarrafadeklein

Instagram: www.instagram.com/snct.para

 

Programa de Pós-Graduação Criatividade e Inovação em Metodologias de Ensino Superior

Site: www.ppgcimes.propesp.ufpa.br

 

 Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Comunicação Pública da Ciência e Tecnologia

Facebook: www.facebook.com/inct.cpct

 

 Dia C da Ciência (Coordenação Nacional)

Site: www.diacdaciencia.org

Facebook: www.facebook.com/cdaciencia

 

Semana Nacional de Ciência e Tecnologia 2017 (Coordenação Nacional)

Site: www.snct.mctic.gov.br/semanact

Facebook: www.facebook.com/semananacionalct

 

Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

 Site: www.mctic.gov.br/portal

Facebook: www.facebook.com/MCTIC